A Minha Rádio Podcast: Cowboy Cantor

segunda-feira, abril 25, 2005

A minha homenagem às touradas que ainda se vêem por aí

Tourada
(José Carlos Ary dos Santos)

Não importa sol ou sombra,
camarotes ou barreiras.
Toureamos ombro a ombro
as feras.
Ninguém nos leva ao engano,
toureamos mano a mano,
só nos podem causar dano
espera.

Entram guizos, chocas e capotes,
e mantilhas pretas.
Entram espadas, chifres e derrotes,
e alguns poetas
Entram bravos, cravos e dichotes,
porque tudo o mais
são tretas.

Entram vacas depois dos forcados,
que não pegam nada.
Soam brados e olés dos nabos,
que não pagam nada.
E só ficam os peões de brega
cuja profissão
não pega.

Com bandarilhas de esperança
afugentamos a fera,
estamos na praça
da Primavera.

Nós vamos pegar o mundo
pelos cornos da desgraça,
e fazermos da tristeza
graça.

Entram velhas doidas e turistas,
entram excursões.
Entram benefícios e cronistas,
entram aldrabões.
Entram marialvas e coristas,
entram galifões
de crista.

Entram cavaleiros à garupa
do seu heroísmo.
Entra aquela música maluca
do passodoblismo.
Entra a aficionada e a caduca,
mais o snobismo,
e cismo...

Entram empresários moralistas,
entram frustrações.
Entram antiquários e fadistas,
e contradições.
E entra muito dólar, muita gente
que dá lucro as milhões.

E diz o inteligente
que acabaram as canções.

sexta-feira, abril 22, 2005

Emoções de um Professor

Há dois dias atrás, no Foguetabraze, um debate a respeito das novas férias judiciais em Portugal, desencadeou uma conversa paralela a respeito do ser ou não ser um professor realizado.
Hoje cheguei a casa com a certeza de que sou um professor realizado. Hoje foi assim, Terça-feira talvez chegue a casa triste com a minha vida profissional.
Um professor tem de se sentir realizado quando começa uma aula a jogar à bola com os alunos, e acaba a aula a olhar para um grupo de crianças que vai dos 4 aos 10, a cantar “O Povo é quem mais ordena”, “em cada esquina um amigo, em cada rosto igualdade”. Foram estas mesmas crianças que saíram da sala a gritar, de braços no ar:
- 25 de Abril, SEMPRE! 25 de Abril, SEMPRE!
Ainda ontem, depois de uma contextualização histórica resumida, estive a cantar com os meus alunos a canção da gaivota que voava, voava. A mesma que fala da papoila que crescia, crescia, e da criança que não queria combater. A mesma que grita palavras de ordem como “somos livres, não voltaremos atrás”.
Senti-me realizado, porque depois de acabar de cantar, uma aluna perguntou-me, com o ar de quem sabia mesmo o que estava a dizer:
- Oh professor, se isto fosse antigamente, o professor ia preso, não ia?
Hoje, cheguei a casa com a sensação que certos alunos meus serão os homens que a liberdade de Abril de 74 prometeu ao país. Cheguei a casa com a sensação que por mim, e pelos meus alunos, 25 de Abril será sempre.

quinta-feira, abril 21, 2005

Espírito de Campeão

Aproveitando o bom tempo que se fez sentir hoje à tarde, a minha Ritinha decidiu me levar a passear. Quis me fazer acompanhar dos meus cinco inseparáveis amigos, o Zé Pedro, o Tim, o Kalu, o João Cabeleira e o Gui. E lá fomos nós por aí adiante. Pela estrada da Ribeira Grande.
Na viagem comecei a sentir que tinha tudo para ser um campeão de ciclismo, só me falta persistência nos treinos, resistência e força nas pernas. De resto tenho tudo, ou seja, tenho um bicicleta.
Lembrei-me entretanto de um homem que uma vez disse a meu pai:
- Tenho tudo para ser um grande ponta-de-lança. Só me falta altura, força no remate e velocidade.
É este o verdadeiro espírito de campeão.


A minha Ritinha Posted by Hello

quarta-feira, abril 20, 2005

Reflexos da Língua Portuguesa Actual

“Carlos e Camila casaram”, “Marques Mendes reuniu com Carmona Rodrigues”, “Fiéis ajoelharam na praça”.
O correcto uso da língua portuguesa há muito que caiu em desuso. Todas estas expressões estão erradas.
No meu tempo de estudante do secundário, e que não foi assim há tanto tempo, há uns 10 anos, se eu fizesse um erro destes, era suficiente para receber uma reprimenda da minha professora.
Mas afinal o que está errado nestas expressões? Se estão a pensar nesta pergunta, então vocês também chumbariam em Português. Se não estão a pensar nesta pergunta, das duas uma: Ou vocês também não se importam com o correcto uso da língua portuguesa, ou vocês sabem que casar, reunir e ajoelhar, como tantos outros verbos, são verbos reflexos.
Quando se diz “Carlos e Camila casaram”, falta aqui o “se”. Quando “Marques Mendes reuniu com Carmona Rodrigues” falta aqui o “se”, a não ser que “Marques Mendes reuniu com Carmona Rodrigues os vereadores da Câmara de Lisboa”. “Fiéis ajoelharam na praça”, claro que falta aqui um “se”: “Fiéis ajoelharam-se na praça”.
Também já me anda a irritar a mania que as pessoas têm de usar o verbo colocar para tudo: “Vou colocar a dúvida”, “Colocou-se em fuga”, “Colocou para a área”. Esta última é uma maravilha. Não se pode colocar uma coisa para. Ou se coloca na, ou em, ou então, passa-se para.
A última colocação que ouvi também me deixou com um sorriso de nervos na cara:
- O segundo golo do Vitória colocou o público em delírio.
Se delírio for um lugar, então o público foi transferido para um lugar chamado delírio.
Se delírio for um estado de espírito, então o Paulo Catarro poderia ter dito que este maravilhoso golo teria provocado o delírio nos adeptos.

terça-feira, abril 19, 2005

Bento XVI


Posted by Hello

Ainda é cedo para comentários profundos. Mas pelo que se conhece do cardeal Joseph Ratzinger, não me parece que este Bento XVI seja a melhor solução para uma igreja que estava a avançar com vista à abertura ao Mundo e a todos os povos.
A Igreja Católica entrou num período de mudança aquando do papado de João Paulo II. Reconhecidamente um ortodoxo conservador, Joseph Ratzinger enquanto Bento XVI não será o papa ideal para continuar o que João Paulo II começou.
Não é de esperar que viaje pelo mundo católico com a frequência com que o fez o seu antecessor, porque não demonstra tal dinâmica.
A minha opinião é que os cardeais que o elegeram apostaram demasiado no conservadorismo eclesiástico.
Contudo, a votação foi rápida, o que é um sinal de que havia um grande consenso entre os cardeais presentes no conclave. Por isto teremos de acreditar que teremos um papa que irá desempenhar as suas funções com a competência que se deve reconhecer a um papa.

"I'll be back!"

Como um guerreiro que desiste de uma batalha, mas não desiste de uma guerra, a Mariana Matos despediu-se da blogosfera com a promessa de que voltava. Ei-la de novo com as suas palavras com ar de mar e de Açores.
Porque os Açores têm muitos ares e muitos mares, a Mariana voltou em Ardemares

Momentos Einstein


Albert Einstein (14 de Março de 1879- 18 de Abril de 1955) Posted by Hello

Ontem, dia 18 de Abril, comemorou-se 50º aniversário da morte do génio Albert Einstein.
Muitas são as histórias que se contam a respeito dele. Umas verídicas, outras que não passam de mito.
Uma coisa é certa, muitos entendidos na matéria concordam e afirmar que Einstein tinha um Q.I. relativamente baixo.
De todas as histórias que já ouvi sobre o génio, esta é aquela que quero acreditar que é verdade. Quero acreditar que é verdade que aconteceu mesmo, e quero acreditar que Einstein disse o que vou contar, acreditando que estava a dizer a verdade:
Conta-se que um jornalista perguntou:
- Onde fica o seu escritório?
Albert Einstein sorriu, tirou uma caneta (ou esferográfica) do bolso da camisa, e respondeu, apontando para a caneta:
- Fica aqui.

domingo, abril 17, 2005

Descida Infernosa

Acabei de chegar da Vila Franca do Campo.
Se soubesse ao que ia, até diria que estava a descer para o Inferno aquando da minha passagem pela estrada que liga Vila Franca do Campo à costa norte de São Miguel.
Aquela estrada está horrível. É impressionante. Há buracos por todo o lado. Há covas. Há gravilha à solta.
Tudo nesta estrada compromete o acesso turístico e mesmo dos habitantes do concelho de Vila Franca.
Bem sei que quem quer ir para, ou mora em Vila Franca, não usa muito a estrada norte, usando mais a estrada que vem de Ponta Delgada, ou das Furnas. De qualquer forma, e dado o estado em que as coisas estão na referida estrada, acho inadmissível que se mantenha por muito mais tempo no estado em que está.
Vamos ver se o aproximar das eleições melhora as coisas.É verdade, a descida ao Inferno refere-se ao concerto a que assisti. Imaginem os Ramstein a tocar Slipknot, mas com 16 ou 18 anos de idade. Foi isto mais ou menos que vi.

sexta-feira, abril 15, 2005

Ainda os Bifes

O meu padrinho Carlos Quental telefonou-me há pouco:
- Oh meu afilhado, Deus de abençoe. Os ingleses vão com excesso de bagagem para casa.

"Os bifes estão bem passados!" Recebi esta mensagem ontem às 20:50h, não acreditando ainda que já estavam prontos a se irem embora, só resondi às 21:00h: "Os bifes estão queimados!"  Posted by Hello

quarta-feira, abril 13, 2005

Serviço Incompleto (será novidade?)

A propósito do que escrevi neste texto:

Já agora, a Nélia fazia a favor de escrever uma notícia de primeira página a pedir que alguém da câmara viesse tirar os sinais todos que se referem às obras?

terça-feira, abril 12, 2005


"Olá a todos. O meu nome é Marta, e por enquanto só me poderão encontrar no telemóvel do meu tio Rodrigo, e na barriga da minha mãe Sara. Quem me pôs cá dentro foi o meu pai Frederico. Sou muito bonita, por isso anda tudo babado comigo. Ainda não posso sair da barriga da minha mãe. Os médicos dizem que só vou sair em Setembro. Estou ansiosa para que isto aconteça"  Posted by Hello

Beleza



"Não tem a ver com sermos bonitos ou não. Eu sou bonito e ainda não encontrei ninguém para casar comigo."
Ricardo (7 anos)
Não deixem de consultar um interessante debate protagonizado por crianças a respeito do amor. Está tudo no Gado Bravo Posted by Hello

A fotografia foi tirada ontem na Povoação.

domingo, abril 10, 2005

Que Serviço Público É Este?

Estou revoltado com um certo jornal açoriano. O Diário dos Açores.
Recentemente, foi publicada uma notícia, de autoria de uma senhora que se chama Nélia Câmara, e que dava conta do facto de uma estrada com pouco mais de um quilómetro que dá acesso à Maia, estar intransitável há mais de um ano e meio, devido a obras que era previsto que durassem apenas dois meses.
Minha cara senhora, saiba que depois de a sua notícia ter sido publicada, os responsáveis pelas obras em apenas dois dias fizeram o que ainda não tinham feito em um ano e meio. Minha senhora, saiba que você acabou de destruir parte do património dos ciclistas de B.T.T. da Maia. Minha senhora, saiba que por causa de sua notícia, muitos jovens da Maia vão deixar de praticar B.T.T. nas redondezas da Maia. Minha senhora, saiba que estava organizado um torneio de B.T.T. na Maia, no qual uma das provas era ver quem conseguia passar em menos tempo, e por menos covas na estrada em causa.
Mas, obrigado na mesma.

Ardemar, O Fim Não Anunciado

A Mariana vai acabar com o seu blog. Acham bem?
Não nos podes privar da tua presença, Mariana.
Revoltem-se. Passem pelo Ardemar e revoltem-se.

sábado, abril 09, 2005

Caixinha de Memórias

O Cowboy Cantor abriu a sua caixinha de memórias, e encotrou uns amigos há muito esquecidos.

sexta-feira, abril 08, 2005

2 em 1 (Ou uma maçã numa janela)

Desconfio que mais de 50% das pessoas que usam computadores saibam quem é o patrão da Macintosh. Eu próprio não sei quem é. Mas sei que na Apple eles não param de ter ideias interessantes.
Confesso que também tenho aquela paixão secreta pelos Macintosh, por isso não hesitei em ir a este endereço http://osx.portraitofakite.com/download.htm
Nesta página encontram um programa que transforma o aspecto gráfico do Windows num Macintosh. Não deixando de funcionar como Windows, o nosso computador fica com cara de Macintosh.
É grátis. Não instala espiões, nem vírus. E se não gostarmos da experiência, podemos sempre voltar ao original, bastando para isto desinstalar o programa.

terça-feira, abril 05, 2005


Porque hoje é 5 de Abril, lembremo-nos deste Cowboy Cantor
 Posted by Hello

segunda-feira, abril 04, 2005

Endereço Errado

A Mariana que se cuide.
Ao tentar entrar no seu blog, troquei a ordem das letras, e o P veio antes do S, e saiu estar palavra: blogpsot. O curioso é que este sítio existe mesmo. É um extenso arquivo de textos, em iglês, de estudos sobre a Bíblia. Não aconselho lerem tudo de uma vez, a não ser que queiram contribuir para uma explosão de vendas da Aspirina.
Não deixem de visitar este sítio, que tem alguns artigos a ter em conta.

sábado, abril 02, 2005

Perfil

Nome: Augusto
Idade: 4 anos
Profissão (quando for grande): Enfermeiro-Bombeiro-Polícia

Mas quem o conhece diz que vai é ser engenheiro.
Vai construir muitas e bonitas estradas em S. Miguel. E por mais que lhe digam que não pode ser assim, ele insiste: “Vou fazer aqui uma rocunda”.
Ele sabe o que faz. Explica que rotunda é aquelas que têm água, e luzes. As rocundas não têm nada no meio.