A Minha Rádio Podcast: Cowboy Cantor

segunda-feira, maio 30, 2005

Como Quem Não Quer A Coisa

Assim como quem não quer a coisa, relembro todos os meus amigos, conhecidos e frequentadores do Danialice que a minha namorada se chama VITÓRIA, e que tirei o curso em SETÚBAL.
Apenas uma curiosidade que é sempre bom lembrar aos mais desatentos.

terça-feira, maio 24, 2005

Bem Feito

Como se diz na minha terra "Oh, muits bom fête", que é como quem diz "Bem feita".

Reparação Especial

Tenho um primo que tirou um curso de reparador de electrodomésticos. Dá sempre jeito ter alguém na família que possa resolver os problemas do dia-a-dia.
Hoje fui à oficina levar um transmissor de uns auscultadores sem fios, para que ele me soldasse a antena.
Ele fez as suas peripécias. Soldou, colou, montou, voltou a soldar, limou um excesso de solda, enrolou a antena em fita-adesiva, e ainda me prometeu pintá-la da cor que eu quisesse.
Cheguei a casa, e fui experimentar o resultado final:
- Hei primo, os auscultadores estão a funcionar melhor de que antes. Deve ter sido do tunning que fizeste na antena.
- Com o tunning não se brinca. – respondeu ele - Foi bom os auscultadores não começarem a voar sem cair no chão.
Fico com medo de voltar lá. Qualquer dia levo-lhe um cabo de guitarra, e ele devolve-me uma mesa de mistura.

segunda-feira, maio 23, 2005

Acabou-se (por enquanto)

Posted by Hello


Começam aqui neste texto as férias futebolísticas do Danialice.
Confesso que vão ser umas férias um pouco amargas. Muitas coisas ficam por dizer, outras tantas por ganhar.
O importante será neste momento saudar os vencedores.
Quero saudar os meus amigos, e frequentadores deste blogue, adeptos do Benfica. Por eles, por serem meus amigos, merecem tudo de bom. E o tudo de bom que os meus amigos merecem, passa por terem uma melhor equipa. Este Benfica foi, a meu ver, um dos piores dos últimos 12 anos.
Aos vencidos, uns por culpa própria, outros por falta de melhores argumentos para ganhar, é acreditar que as coisas podem correr melhor do que este ano.
Quanto à Taça de Portugal: Desenrasquem-se, uns e outros. Aqui, o futebol vai de férias.

quinta-feira, maio 19, 2005

Investigação

Tenho andado a investigar. Já falei com a minha irmã que é professora de Inglês. Já falei com jornalistas. Já falei com jogadores profissionais. Tenho lido muitas coisas, e finalmente cheguei a uma conclusão:
Já sei como se deve escrever em português correcto a palavra inglesa penalty, ou no plural penalties.
Em português correcto deve-se escrever grande penalidade, ou grandes penalidades.

Discussão

Tive uma discussão com a minha mãe. Para quem me quiser apoiar, ou atacar, estão aqui os pormenores.

quarta-feira, maio 18, 2005

sexta-feira, maio 13, 2005

Uma Nova Lisboa

Posted by Hello

Já não vou a Lisboa desde Fevereiro.
Nunca pensei que em tão pouco tempo a cidade mudasse tanto.
Há já uma terceira ponte sobre o rio, a qual fica uns metros depois do C.C.B., no sentido este-oeste. E onde havia uma torre, a de Belém, agora há um farol.
Também gostava de saber qual foi a mente iluminada que deixou que se atracasse navios ao lado do Padrão dos Descobrimentos.
Se não fosse esta fotografia da revista "Turismo e Negócios", do Brasil, não ficaria a conhecer a nova cara de Lisboa.
Gostei de saber que a maioria da arquitectura lisboeta é de estilo gótico.
"O curioso é que quase 2/3 da capital portuguesa desapareceram após a II Guerra Mundial, mas o primeiro-ministro de então, Marquês de Pombal, providenciou a recuperação das ruínas(...)."

Nota: O meu pai pediu-me para não me esquecer que, isto segundo a revista, Lisboa comunica com o Oceano Atlântico através do Estreito de Gibraltar.

quinta-feira, maio 12, 2005

A Idade É Relativa

- Olá, Alice. Eu tenho 4 anos.
- Olá.
- E eu tenho 5.
- Ai é? E então quem é a mais velha?
- É a minha avó!

Nota: Situação real que se passou com a minha mãe, e duas crianças do Jardim de Infância.

segunda-feira, maio 09, 2005

Não fazer a cama é bom para a saúde

Já tinha lido uma artigo a respeito disto no Diário dos Açores, mas o Ilhas e Mar fez-me recordar a notícia.
Gosto de fazer a cama. Se fizer a cama todos os dias, tenho sempre o prazer de a desmanchar no final do dia.

Sugestão da Semana

É para se ouvir quando o patrão virar as costas. O Cowboy Cantor anda numa de rock do puro.

Comunicação Difícil

Foi um diálogo interessante, sem dúvidas. Para já, começou com a mania que muitos comerciantes têm que é a de tratar os clientes por tu. Depois notei que a senhora tinha graves problemas de interpretação de português:
- Quantos queres?
- Boa noite. Um cachorro quente sem mostarda, nem maionese.
Ao meu pedido a senhora banhou o pão em ketchup, e preparava-se para pôr mostarda, que detesto, por cima da salsicha. Assustado, já imaginando o paladar da mostarda, que detesto, repeti:
- Sem mostarda, e sem maionese!
- Não queres mostarda?
- Não senhora.
- E cebola, queres?
Abanei a cabeça para cima e para baixo, num gesto claro que estava a dizer que queria cebola.
- Com cebola?
- Sim.
A senhora deixou de pôr a cebola, e ia começar a pôr já as batatas. Então insisti mais uma vez:
- Com cebola, se faz favor.
- Oh querido, desculpa, mas disseste sim cebola. Sim cebola, é sim cebola.
A princípio fiquei muito confuso, mas depois lá percebi o que queria a senhora dizer com “sim cebola, é sim cebola”.
É preciso ter em conta que nas ruas de São Miguel, muitas vezes se houve as pessoas dizerem “sim” querendo na realidade dizer “sem”.
Não estivesse eu na Feira Agrícola de Santana, local privilegiado para o encontro das melhores cabeças da ilha, e acharia que estava a falar outra língua.

sexta-feira, maio 06, 2005

Novidades

O Cowboy Cantor faz-se ouvir. Passem por lá, e escutem semanalmente uma sugestão musical.

quinta-feira, maio 05, 2005

Ementa Extraordinária

Hoje jantei três unhas da mão direita com quatro da mão esquerda, regadas com adrenalina extra.
Para sobremesa, deliciei-me com um grito que me provocou rouquidão instantânea.
No dia 18 de Maio, espero repetir a ementa.

És tão bonita! Posted by Hello

Coisa Selvagem

Nasceu há 39 anos, e podem ir ao Cowboy Cantor soprar as velas.

quarta-feira, maio 04, 2005

Máxima do Dia

Há expressões dos meus alunos que me surpreendem muito. Às vezes nem é tanto pelo que dizem, mas sim, a pessoa que o diz. Do aluno com mais dificuldades, de vez em quando sai uma expressão que é de se ficar menente.
Esta tocou-me muito. Apetecia-me começar uma discussão com os meus alunos de Santo António Nordestinho a respeito do significado da música, mas tenho a consciência de que apesar de tudo, nem sempre eles sabem o verdadeiro significado do que dizem.

- A música é magia. (Viviana, 7 anos)

segunda-feira, maio 02, 2005

Ainda a Mãe

A propósito ainda do dia da mãe:
A professora pediu aos alunos que contassem uma história verídica, em que a conclusão fosse: Mãe há só uma.

Primeira história:
Tinha 4 anos, e estava a andar de barco o a minha mãe e o meu pai. O meu pai estava a segurar o leme, e a mãe a ler. De repente, caí para a água, e a minha mãe atirou-se de seguida para me ir buscar, e salvou-me.
Mãe há só uma.

Segunda história:
Tinha 5 anos, a minha irmã 3, e estávamos sozinhos com a minha mãe em casa. Houve um curto-circuito no meu quarto, e começou um incêndio. A minha mãe arriscou a sua vida, e salvou-nos aos dois.
Mãe há só uma.

Terceira história (provavelmente do menino Joãozinho):
No Domingo passado, estava o meu pai mais o meu tio a ver a bola, quando a minha mãe me pediu para ir buscar duas cervejas ao frigorífico: uma para o meu pai, outra para o meu tio.
Abri a porta do frigorífico, olhei lá para dentro, e gritei:
- Mãe, há só uma!

Venham mais quantos puderes, Mauricio. Posted by Hello

domingo, maio 01, 2005

Mãe

A mulher partiu o pão em dois pedaços, entregando-os às crianças, que o comeram com avidez.
-Não ficou com nada para ela. - murmurou o sargento.
- Porque não tem fome. – disse um soldado.
- Porque é mãe.- respondeu o sargento.

Victor Hugo