A Minha Rádio Podcast: Cowboy Cantor

sexta-feira, dezembro 17, 2004

Em Portugal fala-se português?

Quem convive comigo no meu dia-a-dia, sabe que eu evito usar ao máximo palavras estrangeiras, quando temos outras em português que têm a mesma função. Faço isto, não por não saber falar outras línguas, que não o português, mas sim, precisamente pelo contrário, por conhecer bem a língua que afinal é a oficial do país em que vivemos.
O meu medo não é que as pessoas não saibam falar outras línguas. O meu medo é que as pessoas não percebam, conheçam ou utilizam a nossa própria língua da forma mais correcta.
Ainda hoje, estava a configurar o telemóvel novo de uma prima minha, quando lhe pedi que digitasse o código. Ela olhou para mim, e perguntou: "O que é o código?" Respondi: "O código do telemóvel". Ela olhou para mim, e perguntou, a medo: "O PIN?".
Pois, exactamente, o "pin".
Um dia, estava com outra prima minha, e estava a configurar o seu correio electrónico. Pedi-lhe a senha dela. Ela olhou para mim, em pánico: "Senha? Não tenho senha." Então perguntei-lhe pela palavra-passe: "Também não tenho". Depois de alguns segundos, lá consigui arrancar-lhe a senha, que ela chama de "password": "Ah, não sabia que também se dizia senha".
Ainda, mas agora um primo, neste Verão, estava a escrever o endereço electrónico deste meu primo, quando ele me diz: "Underscore". Olhei para ele: "Traço de sublinhado?" Ele respondeu: "Deve ser isto. Sabes, isto chama-se underscore." Não será mais: Isto é um traço de sublinhado, mas quem não sabe que é diz "underscore"?
Já agora: Sabem o que é um sítio? Lugar, local, localidade, povoação, cerco ou assédio, conforme o dicionário de Português da Porto Editora. Mas sítio, também é aquilo a que a maioria das pessoas chama de "site". Continuo a preferir ouvir "sítio".

4 comentários:

José Couto disse...

Rodrigo,
Tens toda a razão... Concordo plenamente! Mas a propósito: parece-me que no segundo parágrafo a o verbo utilizar ("utilizam") está mal conjugado... Não seria "utilizem" (Presente do Conjuntivo)?
Provavelmente terá sido uma pequena gralha dactilográfica…
Abraço

P.S. Foi só uma “provocaçãozinha” de amigo, de grande amigo (podes crer)!

José Couto disse...

Comentário ao meu próprio comentário: Na 2ª linha "parece-me que no segundo parágrafo a o verbo utilizar", deveria dizer-se: "parece-me que no segundo parágrafo o verbo utilizar"...
Para aprender a não emendar os amigos!

José Couto disse...

Comentário ao meu próprio comentário que comenta o comentário anterior: Na 2ª linha "parece-me que no segundo parágrafo o verbo (?) utilizar", deveria dizer-se: "parece-me que no segundo parágrafo o verbo a utilizar"...
Querer emendar-se a si próprio dá nisto!

Abel Pereira disse...

" O meu medo é que as pessoas não percebam, conheçam ou «utilizam?» utilizem a nossa própria língua da forma mais correcta." "A que ela chama password" e " É aquilo a que as pessoas chamam «site» " é mais de cá e menos de lá, do Brasil...